Translate this Page

Rating: 2.9/5 (477 votos)




ONLINE
1




Bate-Papo IPCO

  


Get your own Chat Box! Go Large!

 


Nosso Blog

Leia, siga, comente e seja abençoado.

Pastor Sérgio

  

 

 


Total de visitas: 89807
 
Falando dos pecados Alheios

Falando do Pecado Alheio

 

Lição Bíblica
 
O Pecado dos Líderes e dos Membros
Meus irmãos, não vos torneis, muitos de vós, mestres, sabendo que havemos de receber maior juízo.
Porque todos tropeçamos em muitas coisas. Se alguém não tropeça no falar, é perfeito varão, capaz de refrear também todo o corpo (Tiago 3- 1 e 2).
 
Qual a diferença de pecado de um membro e de um líder da Igreja?
 
Advertência para membros e líderes
 
Tomar cuidado com as fraquezas é uma responsabilidade urgente, devemos lutar contra elas, e vence-las, mas é necessário reconhece-las, e, vigiar mais com elas.
Embora recebam o nome de fraquezas, são fortes, sua manifestação em nós é sempre maior que as qualidades e podem nos destruir.
E porque elas são mais fortes que as qualidades? Simplesmente porque as qualidades são adquiridas, mas as fraquezas fazem parte de nós. As qualidades são construídas em nós pelo exerccíío constante delas, então elas passam a fazer parte nossa Natureza, ao lado das fraquezas, que jamais nos deixam.
 
Pecado do Líder
A culpabilidade é maior em quem tem maior autoridade.
 
Quando um líder peca é diferente? O pecado é maior? Na verdade, o pecado é o mesmo, já a resposabilização é diferente já que segundo a Palavra (Tiago 3-1 e 2) os líderes recém maior cobrança e maior juizo. O juizo dado ao líder é maior dado sim a sua posição, veja: (...) Mas àquele a quem muito foi dado, muito lhe será exigido; e àquele a quem muito se confia, muito mais lhe pedirão (Lucas 12-48).
Para lutar contra suas próprias fraquezas, é necessário exercer a longanimidade e paciência. Mas além disto, é necessário sempre assumir seus próprios erros. Quem pecou foi eu, assumo a responsabilidade sobre meus atos.
Teve um líder que fez isto e foi honrado por esta ação. Foi Davi, quando rei de Israel (II Samuel 24-17). Davi, como era costume do povo da região, contou o povo de Israel, o que não era permitido pelo Senhor e, mesmo sendo lembrado por seu general. Logo depois o anjo do Senhor desceu fazendo justiça e muitos morreram. Então Davi caiu em si e mostrou seu arrependimento, declarando ao Senhor ser ele o culpado, declarando que aceitava que a mão do Senhor descesse sobre ele. Na verdade devemos tomar muito cuidado, porque o diabo trabalha à partir do que nós mesmo falamos, ele ouve cada uma de nossas frases e vê nelas o combustível ideal para trabalhar contra nós.
 
Repreensão
 
Seja do Senhor ou por não seguir normas, o cristão, seja ele líder ou membro, deve aceitar do Senhor a repreensão, como fez Davi. A Disciplina tem por finalidade condicionar o crente a seguir as normas espirituais ou da igreja.
Já receber a disciplina é um ato de amor, para restabelecer a unidade e inibir que outros faam o mesmo. Isto faz com que a pessoa assuma suas responsabilidades e, claro, leva ao arrependimento.
Disciplina é parte das normas da Igreja, sendo salutar e, além disto, é necessário para que a pessoa tenha consciência de seus atos, é colher as consequências.
 
Intensidade do Pecado
 
Pecado não tem Intensidade e sim responsabilidade. Deus reage da mesma forma para com todos, ou seja, tem Misericórdia de todos os que se arrependem. Afinal Jesus deu sua vida por nossos pecados, pecados que andavamos antes de conhece-lo, de andarmos com Ele. Ele sabe que vivíamos sobre a influência do mal, mas recebemos salvação pela graça (Efésios 2 – 1 a 5).
É dificil entender porque as pessoas rejeitam a Salvação, mas eles serão cobrados com responsabilidade por este pecado e quem afirmou isto foi o Senhor Jesus: Digo-vos que, naquele dia, haverá menos rigor para Sodoma do que para aquela cidade (Lucas 10-12).
Desde sempre o pecado tem entristecido o Senhor, quando Ezequiel viu a situação do povo de Israel e seu pecado, recebeu do Senhor uma resposta que para nós parece estranha, mas que é comprovada pela dado ao pecado que vemos atuar no mundo corrompido pela maldade do homem que se permite influenciar pelo mal e deixa florecer em si as suas fraquezas: Disse-me: Vês isto, filho do homem? Verás ainda abominações maiores do que estas (Ezequiel 8-15).
Quando Jesus foi entregue aos seus carrascos, ao dirigir-se a Pilatos, que se achava poderoso, não conhecendo o verdadeiro propósito do sacrifício do Senhor, afirmou que maior pecado tinha quem o entregou a eles (João 19-10 e 11).
Pode não ser fácil de entender, mas se nós entendéssemos de fato a Deus e seus desígnios, Ele não seria Deus.
Pense nisto!
 
 
Criar um Site Grátis    |    Create a Free Website Denunciar  |  Publicidade  |  Sites Grátis no Comunidades.net